Duração 6 horas

Versilia, estreita faixa de terra entre os espectaculares Alpes Apuanos e o Mar Tirreno, ambiente de lagos antigos que foi habitado pelo povo Apuanos no sopé da montanha.
A Via Emila Scauri cortava o territorio na epoca romana, e se apresenta hoje com uma bela beira-mar e por colinas densamente habitadas com algumas das mais importantes cidades históricas da região Camaiore, Pietrasanta e Viareggio.

Vamos começar nossa turnê exatamente em ordem cronológica a partir da cidade de Camaiore. Campus Maior, origem romana, teve o momento de grande expansão na Idade Média encontra-se no caminho da rua Francigena de Lucca para Luni.ja no ano 761 é certificada a existência da abadia de San Pietro, no itinerário Sigerico era a tapa XXVII. Lucca em 1225, com a intenção de aproveitar o acesso ao mar, conquistou os castelos feudais que cercaram a aldeia e reorganizou o território em uma ampla vicária.

Em 1374 o centro da cidade foi fortificada com um muro de 9 metros de altura com 13 torres, mas hoje ele permanece apenas alguns traccia.
Visitermo a Abadia e igreja de Sao Estevao, a igreja de San Michele e da cidade velha.

Em um curto espaço de tempo chegaremos a cidade de Pietrasanta, considerada a Atenas do terceiro milénio.
Fundada por Guiscardo Pietrasanta, no sopé da fortaleza Longobarda pré-existente, Pietrasanta hoje deve sua fama, sobretudo, as numerosas obras de arte moderna em exposição no centro histórico.
Graças às artistas de renome internacional, tais como Igor Mitoraj, Fernando Botero, Pietro Cascella, Ivan Theimer e outros, Pietrasanta tornou-se um museu ao ar aberto de escultura.
O nosso passeio começa na porta “Pisana” com fortaleza Arrighina, de onde nós chegar a Piazza del Duomo com a igreja de Sant’Agostino, a torre das horas, a coluna Marzocco e o monumento a Leopoldo II de Toscana.
Se visita a Igreja da Misericórdia que exibe dois afrescos esplêndidos feitos por Fernando Botero.
Depois a casa de Eugenio Barsanti, inventor, juntamente com Felice Matteucci, do motor de combustão interna, e, finalmente, chegaremos à Piazza Matteotti com as obras de Pietro Cascella e Fernando Botero.

Nosso passeio continua a Viareggio, que se estende por quilômetros ao longo da costa de Versilia.
A cidade que foi fundada pelos Lucchesi em 1500 para a necessidade de uma saída para o mar, cresceu de forma consistente apenas no século passado, quando começou a “moda” de ir a praia para desfrutar o relax do verão.
Viareggio foi enriquecida com numerosos edifícios Art Nouveau, incluindo estabelecimentos de banhos e Grand Hoteis. A grande reputação da cidade, no entanto, está ligada a dois eventos importantes: o do Carnaval e da temporada da Opera de Puccini. Visitaremos a cidadela do carnaval, onde os artistas jovens e velhos competir com a invenção de carros alegóricos papier-mâché, a tradição diz que o início deste evento anual remonta a 1873.

Termineremo a visita com as perspectivas românticas do Lago Massaciuccoli oásis de protecção do ambiente, que é o pano de fundo para a casa do Giacomo Puccini, onde o compositor viveu os anos mais longos e mais importantes de sua vida.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.